• Victor Simonelli

Dupla de ataque do Brasil na última Copa, retoma o alto nível de atuações na Europa

Neymar e Gabriel Jesus tiveram um desempenho pós Copa do Mundo de 2018, realizada na Rússia, de uma maneira geral, muito fraco. Com questionamentos, principalmente, das imprensas francesas e inglesas. O menino do Peri passou por altos e baixos na temporada 2018/2019. Sendo preterido do posto de "substituto natural" de Aguero nos jogos do Manchester City na temporada europeia. Marcado pelo fato de não ter feito nenhum gol na Copa do Mundo da Rússia, Gabriel Jesus teve na Copa América de 2019, o início da arrancada para a boa temporada que vem fazendo com a camisa do Manchester City. Gabriel Jesus nessa temporada tem 16 gols e 8 assistências. Números que fazem com que seja a melhor temporada do atacante com a camisa dos Citizens. Mesmo reserva, o brasileiro vem se destacando, sendo mais utilizado por Guardiola ao longo da temporada 2019/2020.

Gabriel Jesus comemora gol com a camisa do Manchester City. Foto: Goal.com

Neymar teve em 2019, talvez, o ano mais complicado de sua carreira. Lesões, escândalos e questionamentos da alta cúpula do PSG relacionados ao seu comprometimento com a equipe, fizeram com que o brasileiro não figurasse nem entre os 10 melhores da temporada em lista organizada pela FIFA. O principal nome brasileiro da atual geração, começou 2020 marcando muitos gols e dando assistências que resultaram em gols. Ao lado de Mbappe, Icardi e Di María, possuem uma média alta de gols no cenário europeu. O quarteto da equipe francesa tem nessa temporada 102 participações em gols do PSG, sendo 63 gols e 39 assistências. Thomas Tuchel, técnico alemão que comanda o PSG, vem usando o brasileiro como um meia clássico, mais centralizado, proporcionando mais oportunidades de gol para Neymar. Na atual temporada, o camisa 10 da seleção brasileira tem 15 gols e 9 assistências. Neste final de semana, os dois marcaram gols. Gabriel Jesus marcou duas vezes na vitória do Manchester City contra o Fulham FC, em jogo válido pela Copa da Inglaterra. Neymar marcou dois gols, em partida válida pelo campeonato francês contra o Lille. No segundo gol, de pênalti, homenageou Kobe Bryant, fazendo o número usado pelo americano durante toda a carreira, o 24.

Neymar homenageia Kobe Bryant. Foto: UOL

O ex atleta de basquete morreu na queda do seu helicóptero particular, na tarde do domingo(26/01). Descanse em paz, Kobe. Referência no esporte e um dos maiores de todos os tempos.

58 visualizações
REDES SOCIAIS:
  • Facebook ícone social
  • Instagram ícone social
  • Twitter ícone social
  • LinkedIn ícone social